Med

BioHacking – João Carnielli – Medium

O BioHacking, dito de uma forma mais compreensível, é a combinação entre o ser humano e a tecnologia. Este ramo da ciência tem sido muito explorado para usos medicinais, principalmente para a criação de próteses para seres -humanos ou não- que têm alguma deficiência em se adaptar ao meio. Por ser uma prática que ainda está em processo de estudos e de desenvolvimento, o uso do BioHacking (seja qual for o método) ainda não existe para todos e está muito restrita.

A manipulação dos seres vivos também é um passo que os sistemas do BioHacking querem alcançar, transformando os seres humanos em espécies mais elevadas, transformando-os em um tipo de computador humano. Seria realmente necessário? A tecnologia pode chegar a este ponto?

Fonte do vídeo: Canal “Mundo Desconhecido”

Assim como para uso medicinal, o BioHacking também tem sido usado para diversos tipos de evolução sem o meio da tecnologia. Como, por exemplo, desenvolver novas habilidades que alguns não possuem. Isto pode ser desenvolvido por cada um através de um certo método do BioHacking.

O termo “biohacker” surgiu pela primeira vez na década de 90 (noventa), mais precisamente no ano de 1998 e, com isto, vem crescendo gradativamente em várias áreas.

Um teste realizado nos olhos de uma cobaia -derivada Gabriel Licina-, permitiu que o tal reconhecesse imagens à uma distância de dez metros e com o passar do tempo, conseguiu enxergar pessoas à distancia de cinquenta metros. Foram injetados 50ml de Ce6 (substância a qual só é encontrada em peixes que residem as profundezas abissais).

Fonte da pesquisa sobre o experimento: https://www.oficinadanet.com.br/post/16790-o-que-e-biohacking-conheca-a-tecnica-que-desafia-as-leis-do-corpo

Uma das maiores vantagens em se ter este tipo de tecnologia é a mesma das outras: a facilidade de manusear e a oportunidade que pode-se dar para o ser humano. Mas como assim oportunidade? Simples. Assim como em diversas áreas, o meio tecnológico -seja ele qual for- também gera empregos para pessoas deste ramo. E,além de dar oportunidade de empregos, cria-se uma nova jornada para pessoas com deficiências físicas ou mentais. Pode-se gerar empregos para estas ou facilitar suas vidas para que as aproveitem ao máximo.

O meio tecnológico é complicado de se lidar e, sobre tudo isto, vem-se o preconceito e da falta de conhecimento atual das pessoas com o ramo. O que é a maior desvantagem deste meio tecnológico é este: a falta de conhecimento de pessoas no geral. Por quê? Outra coisa bem simples: acham que estão vivendo a Revolução Industrial e que a mão de obra humana seria substituída por máquinas. Não! Não é assim que funciona. Como foi citado no trecho anterior, o meio tecnológico GERA empregos, o que está sendo estritamente necessário e procurado por várias empresas atuais. Os aparelhos eletrônicos não substituiriam e sim facilitariam a fazer as tarefas. Você acha mesmo que seria possível viver em um mundo altamente tecnológico?


Source link
Tags
Back to top button
close
Thanks !

Thanks for sharing this, you are awesome !

Pin It on Pinterest

Share This

Share this post with your friends!